quarta-feira, 11 de abril de 2007

Mudanças

O tempo foi passando, o meu corpo mudou, eu mudei como pessoa, as pessoas que me rodeiam mudaram também.

Em toda a minha vida ouvi criticas, lamentos, vi muitos dedos apontados a mim sobre as coisas que eu comia ou deixava de comer.
Quando a família se juntava a frase que mais se ouvia era: “não comas doces, não bebas sumos, já estás muito gorda”, muitas lágrimas esta frase causou, principalmente por virem de pessoas da família, de pessoas que eu amo.

Actualmente, agora que levo uma alimentação completamente saudável, agora que aboli os doces e sumos da minha alimentação, a frase mais ouvida é outra: “Come um pedaço do doce X, uma vez por acaso não faz mal!”.
Eu sei que um bocadinho de doce uma vez por acaso não faz mal, mas eu não quero comer, eu não sinto necessidade nem vontade de comer doces, beber sumos, comer pão, massa ou arroz. Não vou comer para satisfazer as pessoas, não vou comer só porque sim.

Sinto que, tirando a nutricionista, apenas o meu marido e a minha mãe me compreendem, apenas estas duas pessoas apoiam a 100% o tipo de alimentação que levo.
É normal as pessoas dizerem que não conseguiriam passar sem hidratos de carbono, sem um doce de vez em quando, é normal porque essas pessoas nunca pesaram 145,9kg. É normal porque nunca se privaram de ir a uma esplanada com medo de não caberem nas cadeiras. É normal porque nunca viram a saúde a faltar devido ao excesso de peso.

22 comentários:

Luna disse...

Linda eu acho que a maioria das pessoas tem mesmo essa mania de mandar bitaites sobre a vida dos outros e acham q sabem tudo...
Sabes, é o mto fácil falar, dar conselhos, dizer o que está bem e o que está mal... tu qdo tinhas quase 150kgs sabias perfeitamente que não devias comer certas coisas, sabias que tinhas que perder peso se querias ser mais saudavel, e ganhar mais qualidade de vida... hj com uma vida diferente tb sabes q 1 doce de vez enqdo ou comer HCs não faz mal nem te fará engordar tudo de novo...
A questão é que mudaste a tua vida, hj não tens essa necessidade... então para quê mudar só porque os outros acham que é assim?!
sinceramente eu acho que se te sentes bem assim, deves continuar a seguir o caminho que escolheste... tenta n ouvir certas coisas, e apoia-te nas pessoas q te compreendem e te são próximas...Porque essas sim serão sempre o teu maior alicerce :)
força! Beijinhos

Algodão Doce disse...

Olá querida!
Sei bem o que isso é...existem pessoas que eu chamo de más (não quer dizer que o sejam sempre...).
Irrita-me quando tentam obrigar-me a comer algo...isto já custa tanto a suportar e com essas pessoas por ai...tb tenho muito disso à minha volta!!~
Mas ainda bem que estás com uma foeça de vontade enorme. Sabes pelo que passas-te e hoje, é claro, sentes-me bem...algo que queres continuar a sentir.
Por isso continua a ser como és, continua a ter essa foaça de vontade para lutar contra "as tentações"
Beijinhos doces e tem um optimo dia

Ana Bastos disse...

olá!
Pois é... as pessoas tem sempre uma palavrinha (normalmente negativa...) para dizer, se uma pessoa está gorda, apontam o dedo e dizem "não comas x y" se a pessoa perde peso "incentivam " a comer, parece que ficam com inveja...
Mas o que interessa mesmo, são as pessoas que te apoiam e a tua força de vontade!!!
bjitu

Claudiacva disse...

Pois é amiga, as pessoas dizem sempre o contrario daquilo que estamos a fazer. Chatos ... mas não ligues, faz ouvidos de mercador, quem mais tem de te dar apoio dá e isso é o mais importante. No dia que sentires necessecidade de comer algumas dessas coisas que abuliste vais saber o que comer e a quantidade. Tu sim és um exemplo de mudança, eu mudar so em peso porque a cabeça afinal esta na mesma :( mas uma coisa importante em mim acho que mudou, nunca mais vou recuperar o peso perdido. Beijinhos

Marilyn disse...

Olá!
Sabes, cá pra mim o que essas pessoas têm é dor de cotovelo.... E quanto a isso a melhor arma é o desprezo...
Beijinhos

realidadedeumsonho.blogs.sapo.pt disse...

é precisamente assim e concordo em tudo! Tens toda a razão! Não tive esse peso todo, tambem sou muito baixa. Mas sei o que é ouvir isso, aliás porque ainda ouço muita coisa e doi muito ... só quem passa por isso entende bem.
As pessoas não têm a noção... aliás não sabem que temos dificuldade em encontrar roupa em nos sentar-mos em certos sitios, não sabem e criticam....
Mas a nossa força está acima de tudo!!! Beijinhos

Lau disse...

ola querida, continuo a defender que o importante e sentirmo-nos bem e não fazer o que as pessoas querem. sentes-te bema fazer esse tipo de alimentação. e sentes-te bem contigo assim então força. Que se lixem os outros... ( desculpa, sem ofender os que te são queridos), as pessoas deviam pensar que quando apontam o dedo um dos dedos ta apontado para elas proprias, mas nunca reparam nisso.
Tens o meu apoio, força e amizade.
Jokitas

Gioconda disse...

Tu deves fazer o que te faz sentir bem, a opinião dos outros pouco interessa, mas realmente é normal as pessoas terem sempre o habito de dizer mal... se comes criticam, agora não comes criticam também... o que realmente so te leva a ver que nada do que dizem é sentido... é vontade de não estarem caladas.... e essencialmente de criticarem.

Gorduchita disse...

Importante é que não te deixes chatear ou abater com esses comentários, que não são, creio eu, mal intencionados!

Branquinha disse...

Olá Mishi! Não são só essas pessoas que te compreendem. Nós todas compreendemos-te porque de certa forma temos as mesmas lutas e os mesmos conflitos interiores. Seja com 10 ou 30kg a mais. Mas com força lá chegaremos e tu já és uma vencedora! E ninguém te pode tirar esse mérito!

belue disse...

Então borracho!!! Eu sei que é díficil mas tenta não ligar ao que te dizem. Tenta assimilar apenas aquilo que é positivo para ti ( como quando se lê os signos, só devemos ligar ao que é bom!!! lol) Força!!!
Quanto á caminhada ainda não sei promenores, mas se souber conto-te tudo!! hi hi hi
beijocas godinhas

Katty disse...

Amiga tens toda a razão ,as pessoas por vezes são muito más ,se estamos gordas somos apontadas a dedo se começamos a emagrecer ficam logo com dor de cotovelo,vamos mas é manda-las dar uma curva,beijokas.

Sarapatica disse...

amiga percebo-te tão bem. à pessoas que não se enchergam . O facto de o teu marido e a tua mãe te apoiarem é fundamental, pelo menos isso, e se pensares bem é o que realmente interessa. Olha a minha mãe é assim se me vê comer critica, se repara que estou a evitar, eu ainda nem emagreci e já me está a mandar comer. E eu acho que se tivesse mais o apoio dela estava bem melhor. Sem querer culpa-la , lógico, pois tenho plena consciencia que a culpa é só minha. e porquê??Pk ao contrário de ti não resisto ao arroz, á massa, ao pão...sou uma fraca, por isso te admiro imenso. Bjinhos

ximiusa disse...

não digas mais nada. como eu entendo. isso de uma pessoa s controlar nao tem nada de fácil.
O que importa em tudo é o que resulta para nós e as vezes o melhor é nem começar. porque depressa se comem 100 batatas fritas e mais n sei k e tal!
ainda k ng entend que respeitem!!
ou nao sabem lidar com o teu sucesso"""
essa das cadeiras!! been there done that!
jocas da "holliday ximi"

Cherry disse...

Oi!
Uma palavra Positiva é sempre tão mais bonita, não é?

Bjo e Muita Força para ti, que és uma Vencedora

Miss Slim disse...

Olá!
Querida, deves é fazer o que te dá gozo e não ligues ao que falam.

Falem bemou mal, o que é preciso é falarem...

Bjo e Tudo de Bom para ti

buxi disse...

Eu também compreendo, as vezes quando dizem come so um docinho nao sabem o impacto que pode causar, nem e o doce em si, mas o factor psicologico. Eu desde que faço a minha dieta deixei mesmo de ter aquela vontade incontrolavel. Ainda bem, assim conseguimos ir mais longe :)
beijokas!

Kikas disse...

O q interessa mm é q te sintas bem ctg própria...sabes q os outros têm sp palpites...quer seja por uma coisa ou outra....tem de haver sp algo p implicar....a vida é mm assim....Beijokas gdes nina!!!

Guidich@ disse...

"Quando apontares com um dedo, lembra-te de que outros três dedos teus apontam para ti."
(Provérbio inglês)

Olá Mishi. adorei ler o teu post. Tocou-me cá bem no fundo. Cada vez que te leio sinto que tenho de ser capaz de ultrapassar todos os meus obstaculos. Dás-me uma força enorme para continuar a minha luta, mesmo sem quereres.
Em relação ao conteúdo do texto faço referência ao provérbio em epígrafe. As pessoas eskecem-se de olhar para elas antes de apontar um dedo aos outros. Se assim o fizessem o mundo seria melhor.
Beijão para ti.
Tenho muita vontade de te conhecer pessoalmente.
Guidich@

_+*A Elite in Paris*+_ disse...

Ai esta nossa vida: pouco importa o que façamos,a maneira como pintamos as coisas, como pomos o cabelo, como combinamos as cores da nossa roupa, sempre havera alguém no mundo para reclamar: IRRA!!!! eu sempre sinto pedras quando engordo e quando emagreco, é a vida!

Coragem para ti!

O meu diário disse...

Olá minha querida amiga Mishi, eu compreendo te perfeitamente, pois eu passei pelo mesmo, nas festas da familia, eu era sempre motivo de conversa, e em relação a amigas, muitas deixaram me de convidar para festas e saidas, pois tinham vergonha da minha figura ... pois desde que voltei a minha normalidade, tenho convites para tudo, é tudo uma hipocrisia desfriada, e quando ouço a dizerem , eu sou gordinha, mas não me importo, eu não me acredito ...

quanto aos hidratos de carbono, eu raramente os como e não sinto necessidade deles, e sei que sou alvo de critica por isso, mas não me importo,inclusive a minha nutricionista deixa me louca

e quero que saibas do fundo do meu coração, eu tenho a certeza que tu vais vencer e vais atingir o teu objectivo final, pois es muito determinada e de ideias fixas

sabes, eu acho me muito parecido contigo, e assim já não me sinto um ET

mil jinhos para ti e para tua doce e linda Princesinha

jonicacf@hotmail.com disse...

Antes de mais queria cumprimentar-te e dar-te os parabéns pela tua coragem e determinação.Compreendo perfeitamente o que sentes, ou sentiste, por motivos diferentes. Hj o mundo e as pessoas regem-se apenas por aparências, pelo que é, aos olhos da maioria, estéticamente "bonito", tudo o que não encaixe dentro dos padrões de beleza são marginalizados e descriminados.
Mas deixa que me apresenta, o meu nome é Carina, tenho 32 anos, meço 1,47, como podes deduzir, sempre sofri com os comentários e as bocas de toda a gente, inclusivé da familia, para não falar do facto de ser rejeitada, nas entrevistas de emprego, por n ter 1,70 e bão usar o decote até ao umbigo... enfim... Encontrei o meu mais que tudo há 3 anos, o mais engraçado nisto tudo é que ele tem 1,90, podes imaginar, somos "a sorte grande e a terminação", qdo passeamos na rua, ouvimos bocas constantemente, as pessoas nem sequer são discretas, olham-nos com ar de gozo, descaradamente... O meu lancelote, é assim que eu lhe chamo, está-se nas tintas... ama-me profundamente... qdo me apresentou à família, disse, com aquela voz forte e meiga para toda a gente ouvir : "apresento-vos a minha mais que tudo", diz lá, não é lindo isso?? Graças a ele, tenho ultrapassado o meu complexo de ser baixinha e "mamuda".. Neste momento, ele tem sido crucial, é que estou numa cadeira de rodas, os médicos ainda n sabem pq, e vejo nos olhos dele o orgulho e o amor todo que ele sente por mim, quando saímos e ele empurra a minha cadeira, alheio aos olhares crueis. Por isso te digo, pode parecer cliché, mas é verdade, o mais importante é a beleza interior.. pensa que és linda e amada por quem interessa... como disse o meu grande e amado Fernando Pessoa : "Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo..."
Carina
Jonicacf@hotmail.com